Conheça o OER, um repositório aberto de recursos educacionais de todo o planeta

Shares

Nós já discutimos o conceito de ciência aberta por aqui. Basicamente, o movimento Open Science defende o acesso ilimitado e irrestrito aos resultados de pesquisas científicas, especialmente aquelas financiadas com recursos públicos. Agora, outro modelo começa a tomar corpo na educação mundial. Trata-se do Open Education, ou “educação aberta” em tradução livre. Neste modelo, recursos de aprendizagem, como aulas, sequências didáticas e materiais educacionais de diversas áreas do conhecimento são compartilhados abertamente, possibilitando o intercâmbio de ideias, concepções didáticas e novas formas de avaliar a aprendizagem e o trabalho docente. 

Mapa com todos os recursos educacionais disponíveis no OER World Map. Quanto mais forte o tom de verde, maior a quantidade de recursos. | Reprodução OER World Map.

No site da Fundação Open Educational Resources (OER, na sigla em inglês) – fundação mantida em associação com a The Open University e a William and Flora Hewlett Foundation – é possível pesquisar recursos educacionais por áreas ou disciplinas do conhecimento ou por país, em um mapa interativo que apresenta todos os recursos disponíveis do local escolhido.

Mapa com todos os recursos educacionais catalogados no OER World Map a partir do território brasileiro. | Reprodução OER World Map.

Existem quase 290 recursos educacionais disponibilizados por colaboradores do Brasil . No total, a plataforma oferece mais de cinco mil recursos educacionais abertos e gratuitos.

Outras plataformas de Educação Aberta

Outras plataformas além da OER World Map disponibilizam recursos educacionais abertos e gratuitos para seus usuários. No Brasil, o destaque fica para o Portal do Professor , mantido pelo Ministério da Educação. Nele é possível encontrar sequências didáticas de aulas expositivas, demonstrações experimentais e um fórum para troca de experiências didáticas entre professores de todo o país.

Além do Portal do Professor, outras plataformas merecem destaque:

  • Open Education Global, que reúne estudos sobre o tema, materiais didáticos e projetos relacionados ao Ensino Aberto. Em inglês (https://www.oeglobal.org ), mas com uma versão para a américa latina (https://www.oelatam.org )
  • Banco Internacional de Objetos Educacionais, também mantido pelo Ministério da Educação e que disponibiliza para download animações, simuladores e outros materiais para o ensino.

. . . . . 

Para saber mais:

. . . . .

Shares

Mais do ccult.org

Saiu o Ig Nobel 2019

Há uma espécie de lenda urbana no meio científico, especialmente em quem atua na área de ciências exatas (e é …

Dicas de uso da realidade aumentada no ensino de ciências

É fato que a pandemia de COVID-19 forçou a entrada de inovações tecnológicas no ensino de ciências. A sala de …

Os problemas das anedotas científicas

A maçã é um dos pseudofrutos (frutos resultantes de uma só flor, como o caju e a pera) mais conhecidos …

Cesta Científica #6

Olá! Esta é a Cesta Científica, curadoria gratuita de conteúdos sobre a cultura científica e o ensino de ciências do …

O acesso aberto na ciência tem se tornado uma tendência

Há algum tempo, escrevi sobre o Sci-Hub e como o site estava contribuindo para uma revolução na ciência . Afinal, proporcionar o acesso aberto …

Editoras de periódicos da área médica adotam temporariamente o acesso aberto por causa da pandemia de covid-19

Submeter os resultados de uma pesquisa científica em qualquer área do conhecimento não é uma tarefa simples. Além de todo …